22 outubro, 2010

Limeriques

Limeriques são poemas curtos, geralmente sobre coisas ou situações engraçadas. Eles  têm sempre cinco versos, onde a primeira, a segunda e a quinta linhas terminam com a mesma rima. O terceiro e o quarto verso rimam entre si, seguindo o esquema AABBA (A=1ª, 2ª,5ª e B= 3ª, 4ª). 
Não se sabe ao certo como eles surgiram, alguns dizem que foi na Irlanda, na cidade de Limerich, mas começaram a fazer sucesso quando um inglês chamado Edward Lear, passou a escrever limeriques.

Escrever limeriques é uma gostosa brincadeira, você só precisa imaginar uma situação, selecionar as rimas e contar a 'historinha', seguindo o esquema acima. Depois que pegar o jeito, não vai mais querer parar.


Veja no exemplo abaixo, em vermelho, as rimas dos versos A; em verde, rimas dos versos B:


Malu é uma minhoca maluca
moça fina mas lelé da cuca
faz coisas sem pé nem cabeça
e veja só que travessa:
usa unhas postiças e uma longa peruca

valéria tarelho


Agora que você já conhece os limeriques, pode escrever o seu e enviar para o pé de poema, com seu nome, idade e cidade onde mora, que será publicado no blog. 
Envie, também, para a Recreio Online.


dica 1: Procurando rimas? Use o  Rimador .


dica 2: Duas minhocas malucas para imprimir e colorir [que tal desenhar na minhoca uma peruca e lindas unhas?]. Clique aqui.

9 comentários:

Anônimo disse...

Oi, Val! Lá estou eu por qui tb..ahhaah

Ainda não tinha visto esse blog...legal! Resolvi brincar um pouco aqui. Mas me diz: para postar a poesia tem que dizer a idade? srrsrs

valéria tarelho disse...

e o nome, de preferência :)

Anônimo disse...

Ow, sou eu, Val..Henrique de JP.

A poesia não revelo nem sob tortura...srsrs

Viviane Veiga Távora disse...

Olá!
Maravilha você divulgar os limeriques!
Vise o blog do meu livro de limeriques, o MARELIQUES DA PRAIA-LOUCA: www.praialouca.com

V. Linné disse...

Limerique

Não achava a vida dura
até perder a dentadura
quando ficou sem dar risada
disse que a vida era salgada
nem valia a lambedura.

Vinicius Linné, 24 anos.

hehehhee.

Bom pesquisar os Limeriques e cair em um blog justamente teu, Val.

Abraço.

Anônimo disse...

I am regular reader, how are you everybody? This piece
of writing posted at this web page is really nice.
my web site: usc football news

Anônimo disse...

I feel this is one of the such a lot significant info for me.
And i'm happy reading your article. However should commentary on few common things, The website taste is ideal, the articles is actually great : D. Good process, cheers
Here is my page ; perfumes

Renata Luz disse...

Muito legal parabéns!!!

Unknown disse...

Houve um Deus,Apolo era chamado
Entrou em uma caverna azul acompanhado
Ele é mais dois montados
No cuspidor de fogo alado
A morte e loucura forçados

 
Copyright 2010 pé de poema - de valéria tarelho
Read more: Flying Twitter Bird JavaScript Code Hack for WordPress Blog http://techgyo.com/index.php/flying-twitter-bird-javascript-code-hack-for-wordpress-blog/#ixzz1Ku2x0fXy